F5 Motor para Portão - F5 Motor Para Portao Automático
F5 Motor para Portão Automático PPA

(11)96339–7834 — (11)2506–4270

Instalação de Motor para Portão

Para qual­quer mod­e­lo de portão, existe o motor ide­al. Seja bas­cu­lante, deslizante ou piv­otante. Temos F5 Motor para Portão Automático.

manutenção de motor de portão automático

Manutenção de Motor para Portão

O motor do portão apre­sen­ta algum defeito, mas ain­da não é hora de sub­­sti­­tuí-lo, a solução mais ade­qua­da seria a manutenção desse motor. Se pre­cis­ar, F5 Motor para Portão Automático.

Top Motor para Portão

Reforma de Motor para Portão

Casos em que a manutenção seja mais com­plexa, mas ain­da tem solução, nada mel­hor do que uma refor­ma do motor para aumen­tar a vida útil do equipa­men­to. Encon­tre um téc­ni­co próx­i­mo á você que tra­bal­ha com F5 Motor para Portão Automático.

F5 Motor para Portão Automático PPA

Assistência Técnica de portões automáticos

Para solic­i­tação com téc­ni­cos pres­en­ci­ais ou por vídeo chama­da. Sem pre­cis­ar sair de casa, tentare­mos solu­cionar o prob­le­ma do seu motor para portão.

F5 Motor para Portão Automático

Troca da Central de comando eletrônica do Motor para Portão

Con­sid­er­a­da o “cére­bro” dos motores, a pla­ca é o item prin­ci­pal em uma manutenção de portão automáti­co, que faz a comu­ni­cação entre todos os itens do motor para portão. Con­sulte tam­bém F5 Motor para Portão Automático.

controle remoto de portão

Venda e configuração de controle remoto para Portão Automático

Mais da metade das lig­ações em nos­sa empre­sa são para com­pra de con­t­role remo­to de motor de portão. Vendemos con­t­role das maiores mar­cas nacionais (PPAGaren e Pec­cinin).

Um portão automáti­co gas­ta mui­ta energia? 

Não. Para se ter uma idéia, um motor de portão bas­cu­lante de 1/4 Hp padrão de residên­cias, usa­do para abrir e fechar por vol­ta de 10 vezes ao dia, terá um con­sumo men­sal médio de 2Kwh. O val­or em R$ depende da base de cál­cu­los da sua con­ta men­sal, mas é bem mínimo. 

Tra­va eletro-mag­néti­ca é segura? 

Sin­ce­ra­mente, não acred­i­to que seja. A tra­va elétri­ca tra­bal­ha da seguinte for­ma: um pul­so elétri­co é man­da­do quan­do o motor é aciona­do, fazen­do com que a tra­va destrave, e libere o ciclo do portão. O que ninguém expli­ca, é que tra­va elétri­ca pre­cisa de lubri­fi­cação per­iódi­ca, para que o embo­lo sem­pre deslize da for­ma cor­re­ta durante seu uso. O que acon­tece em prati­ca­mente todas as residên­cias que tem tra­va elétri­ca, é que a pes­soa nun­ca chega per­to da tra­va para ver­i­ficar se o embo­lo está limpo e lubri­fi­ca­do, para tra­bal­har sem fal­has. Se enroscar, o motor não vai saber que não deve abrir, e com o embo­lo trava­do, vai ten­tar forçar ao máx­i­mo o portão para que abra. Esse é o caso em que mais se dan­i­fi­cam os motores de portão. Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, Out­ro item que fal­ta na maio­r­ia das insta­lações, é a plaquin­ha eletrôni­ca de tra­va elétri­ca. Essa plaquin­ha tem um cir­cuito que aciona em con­jun­to com o motor, mas o pul­so elétri­co dura somente alguns segun­dos, tem­po necessário para que o portão saia do pon­to ini­cial. Lig­a­da de for­ma erra­da, a tra­va fica em con­stante aciona­men­to durante o per­cur­so inteiro do portão, forçan­do demais seu fun­ciona­men­to, e aque­cen­do sem neces­si­dade. Aque­cen­do demais, com vários aciona­men­tos simultâ­neos, a tra­va elétri­ca pode queimar, e se estiv­er lig­a­da de for­ma erra­da em para­le­lo com o motor, aca­ba queiman­do o motor do portão junto. 

Pos­so com­prar um con­t­role remo­to e sin­cronizar para meu portão sem chamar um técnico? 

Pode sim, se con­seguir faz­er con­forme nos­sos man­u­ais de cod­i­fi­cação do nos­so site, e saben­do qual o mod­e­lo de con­t­role do seu portão. 

Sem aper­tar nen­hum con­t­role remo­to, o portão automáti­co pode abrir sozinho? 

Não é nor­mal, e nem deve acon­te­cer isso. Caso acon­teça, é pre­ciso tro­car o códi­go do con­t­role, pois pode ter sido clon­a­do, ou tro­car a fre­quên­cia do portão por uma dig­i­tal atu­al, para evi­tar inter­fer­ên­cias ou clon­a­gens. Em alguns casos o portão abre soz­in­ho quan­do tem algum prob­le­ma na fotocélu­la, que indi­ca que algum obje­to está debaixo do portão, e faz com que ele abra nova­mente enquan­to esta­va fechan­do. Out­ro moti­vo para isso acon­te­cer é quan­do algum dos con­troles remo­tos está com defeito, e por algu­ma sen­si­bil­i­dade no cir­cuito do botão do con­t­role, abre o portão sem ninguém ter aper­ta­do os botões. 

Quais os tipos de portão mais comuns fab­ri­ca­dos no Brasil? 

Portões de tubos (tubo de aço gal­va­niza­do); portões com­bi­na­dos de tubo com madeira exter­na para dar o acaba­men­to; portões de telas rígi­das, com vari­a­dos for­matos; e portões tubu­lares for­ra­dos com lambril. 

Quem nun­ca teve a sen­sação de liber­dade ao atrav­es­sar um portão automáti­co? Ele nos rep­re­sen­ta o fim de uma eta­pa e o iní­cio de out­ra. Esse momen­to é sem­pre espe­cial, pois mar­ca o começo de uma nova jor­na­da – seja ela qual for. Além dis­so, é um sinal de que esta­mos indo na direção cer­ta e que, ape­sar das difi­cul­dades, esta­mos avançan­do. O portão automáti­co nos dá essa con­fi­ança e nos faz acred­i­tar que tudo vai dar certo.

Como cod­i­ficar con­troles da fre­quen­cia 433MHZ na cen­tral do motor PPA de portão con­ven­cional: (Portão Bas­cu­lante ou Portão Deslizante) 

Recep­tor avul­so: Nesse sis­tema, a cen­tral tem uma pla­ca recep­to­ra peque­na plu­ga­da de for­ma aux­il­iar, que coman­da por sua vez a recepção de sinal dos con­troles remo­tos e envia o pul­so para a cen­tral maior PPA de portão. Local­ize essa plaquin­ha menor, e faça o seguinte: Segure aper­ta­do o botão do con­t­role que dese­ja con­fig­u­rar, e em segui­da aperte uma vez só o botão do recep­tor com o nome de PROG (não é necessário usar JUMPER nem nada, somente aper­tar o botão de pro­gra­mação PROG). Pron­to, já está con­fig­u­ra­do. Em alguns casos, faça o con­trário se não fun­cionar: Aperte uma vez o botão PROG, um led ver­mel­ho do recep­tor dev­erá se acen­der, então enquan­to ele estiv­er ace­so, aperte o botão do con­t­role que dese­ja cadas­trar. Pron­to. Se da out­ra for­ma não havia cadastra­do, des­ta for­ma deve fun­cionar. Mod­e­lo de Jumper e PROG: Primeira­mente, retire os para­fu­sos que fecham a tam­pa onde fica a cen­tral do portão. O pro­ced­i­men­to é pare­ci­do com o de con­fig­u­ração dos con­troles da Garen. Encon­tre as duas pern­in­has de met­al , onde aparece escri­ta a palavra PROG. Tem uma pecin­ha pre­ta (JUMPER) que pode se encaixar nas duas pern­in­has de met­al para fechar o cir­cuito, e deste modo, entrar em modo de pro­gra­mação dos con­troles. Essa con­fig­u­ração do con­t­role só é acei­ta pela cen­tral eletrôni­ca do portão PPA se o portão estiv­er no meio do per­cur­so, para­do fora dos sen­sores de fim de cur­so de aber­tu­ra e fechamen­to. Bas­ta fechar o cir­cuito com o JUMPER e a cen­tral está em modo de pro­gra­mação. Segure aper­ta­do o botão do con­t­role que dese­ja cadas­trar na cen­tral, e o led ver­mel­ho da cen­tral vai ficar pis­can­do bem rápi­do. Con­firme enquan­to o led está pis­can­do, aper­tan­do o botão da pla­ca com o nome de BOT ou + em alguns casos. Retire o Jumper e a pro­gra­mação já deve estar pronta. Mod­e­lo de Chav­in­has: Neste sis­tema de chav­in­has, existe na cen­tral uma sequen­cia de 8 Chaves peque­nas de ON e OFF, que rep­re­sen­tam todas as con­fig­u­rações da cen­tral. A pro­gra­mação de con­troles PPA fica na chave numero 8. Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, Acione a chave 8 para ON e segure aper­ta­do o botão do con­t­role que dese­ja con­fig­u­rar. O led ver­mel­ho vai pis­car bem rápi­do, indi­can­do que a cen­tral está recon­hecen­do aque­le con­t­role. Con­firme aper­tan­do o botão com o sim­bo­lo de (+). ATENÇÃO: Se aper­tar o sim­bo­lo (-)por engan­do, vai apa­gar todos os con­troles que estavam fun­cio­nan­do na cen­tral, e pre­cisa recon­fig­u­rar todos nova­mente. Depois, volte a chav­in­ha numero 8 para a posição ini­cial e pron­to, já deve estar fun­cio­nan­do seu controle. 

É seguro con­fi­ar somente no motor para travar o portão? 

Não. O mais recomen­da­do mes­mo, para a segu­rança dos clientes, é o uso de cadea­do, prin­ci­pal­mente em ocasiões em que o portão vai ficar muito tem­po sem usar. Mas então, pra que um portão automáti­co se a gente pre­cisa descer do car­ro para abrir o cadea­do? Pois é, não teria lóg­i­ca usar dessa for­ma, mas sem­pre recomen­damos aos clientes, que pelo menos travem o portão com cadea­do em casos em que vai via­jar, ou a noite, quan­do vai ficar muito tem­po sem uso. No brac­in­ho do motor bas­cu­lante, existe um pino onde é instruí­do o uso de cadea­do pequeno de 20 milimet­ros. Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, Qual­quer pes­soa com um obje­to semel­hante a uma chave de fen­da é capaz de forçar o cadea­do e que­brá-lo se estiv­er acessív­el pelo lado da rua. Recomen­damos uma tra­va própria para ess­es mod­e­los de brac­in­hos de portão, que é encon­tra­da prin­ci­pal­mente em casas de mate­ri­ais de con­strução grandes, onde o brac­in­ho é pre­so com essa tra­va mecâni­ca, e o cadea­do fica escon­di­do por trás, ten­do aces­so somente pelo lado de den­tro da casa. 

Um portão de 4 segun­dos tem mais pos­si­bil­i­dade de dar prob­le­ma do que um de 8 segundos? 

Por ter um esforço maior na hora de abrir e fechar, o motor mais rápi­do des­gas­ta bem mais do que o con­ven­cional. O mecan­is­mo do motor mais rápi­do é feito de for­ma mais reforça­da, mas é essen­cial que seja fei­ta sua cor­re­ta manutenção pre­ven­ti­va, man­ten­do sem­pre o motor lubri­fi­ca­do, para evi­tar atri­tos entre as peças do motor. Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, Quan­to mais rápi­do o motor, maior a fre­quên­cia de lubri­fi­cação a ser fei­ta no mecan­is­mo do motor e no próprio portão. 

Fui sair com o car­ro, e quan­do ten­tei acionar o portão automáti­co para fechar, ele travou. O que eu devo fazer? 

Primeira­mente, destravar o brac­in­ho que plu­ga o motor com o portão, geral­mente pre­so com um cadea­do pequeno. Poré, quan­do o portão para de fun­cionar na parte supe­ri­or, alguns brac­in­hos ficam para­dos em lugar inacessív­el ao cadea­do, não ten­do como destravá-lo. Dicas: 1° Abra a tam­pa tra­seira do motor, e gire a élice, procu­ran­do obser­var que o portão começa a descer lenta­mente con­forme a élice está giran­do com a mão; Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, 2° Caso ten­ha algu­mas fer­ra­men­tas por per­to, cor­tar com algu­ma tal­hadeira o pino de apoio do brac­in­ho que plu­ga o motor ao portão, fazen­do se sep­a­rarem de qual­quer for­ma; 3° Tente com muito cuida­do aper­tar o con­t­role remo­to e forçar de leve o portão pelo lado de fora, como se estivesse aju­dan­do o portão a descer durante o aciona­men­to. Atenção: Sem­pre evite ficar por baixo do portão enquan­to fiz­er estes pro­ced­i­men­tos. Antes de girar a élice com a mão, ver­i­fique que os dis­jun­tores do motor estão desli­ga­dos, para evi­tar aci­dentes quan­do o portão destravar. O cor­re­to é solic­i­tar um téc­ni­co para ver­i­ficar. Nós não temos assistên­cia 24 horas, mas algu­mas empre­sas pos­suem téc­ni­cos em horários difer­en­ci­a­dos, porém o preço para aten­derem ness­es horários é bem salgado. 

A insta­lação e manutenção de um motor para portão é uma tare­fa que exige cuida­do e atenção. Afi­nal, tra­ta-se de um equipa­men­to impor­tante para a segu­rança da sua casa ou empre­sa. Por isso, é essen­cial con­tar com a aju­da de profis­sion­ais espe­cial­iza­dos na área. Na Andrade Mecâni­ca você encon­tra os mel­hores serviços do mer­ca­do, com preços com­pet­i­tivos e uma equipe alta­mente qual­i­fi­ca­da. Fale conosco e sai­ba mais!

Quais as peças mais comuns nos motores bas­cu­lantes de portão? 

O motor de portão é for­ma­do por um con­jun­to de peças que são:- Cal­ha de alumínio padrão de 1,4 met­ros;- Eixo de fuso com rosca para aciona­men­to;- Batoque supe­ri­or (tamp­in­ha que fecha o per­fil de alumínio);- Por­ca acionado­ra (peça de nylon que corre den­tro do alumínio para cima e para baixo);- Acoplador que faz a junção do fuso com o redu­tor do motor;- Car­caça de fer­ro fun­di­do (2 partes que fecham, com as peças inter­nas, for­man­do o moto-redu­tor do portão);- Esta­tor do motor (parte inter­na do motor com­pos­ta por cen­te­nas de voltas de cobre, para cri­ar o cam­po mag­néti­co);- Eixo inter­no com induzi­do, rola­men­to e rosca sem fim inter­na (eixo prin­ci­pal inter­no do motor que faz a lig­ação entre todas as peças inter­nas);- Engrenagem de nylon prin­ci­pal;- Caixa e tam­pa para cen­tral eletrôni­ca de coman­do;- Cen­tral de coman­do eletrôni­ca;- 02 con­troles remotos. 

Portão automáti­co de garagem é uma boa solução para quem quer ter mais segu­rança e prati­ci­dade. Além de evi­tar que você ten­ha que descer do car­ro pra abrir o portão, ele per­mite que você entre na garagem mes­mo com as mãos cheias. Esse tipo de portão é ide­al para quem tem pouco espaço na garagem ou quer evi­tar o con­ta­to com a chu­va ou o sol. Além dis­so, os mod­e­los mais mod­er­nos con­tam com con­t­role remo­to, o que facili­ta a vida de quem pre­cisa entrar e sair da garagem várias vezes por dia.

Motor de portão 110v não dá par­ti­da, o que pode ser? 

Motor de portão geral­mente tem na cen­tral um jumper para sele­cionar entre 110 e 220 volts. Porém, quan­do é uti­liza­do em 110 volts o motor fica mais fra­co, e não cos­tu­ma durar por muito tem­po. O recomen­da­do é sem­pre insta­lar em 220v. 

Per­di o meu con­t­role e pre­ciso com­prar out­ro, mas não sei o mod­e­lo. Quan­to cus­ta aproximadamente? 

Nós temos quase todos os mod­e­los de con­t­role remo­to para portão das prin­ci­pais mar­cas do mer­ca­do. Pode ser mod­e­lo atu­al ou mais anti­go, mas o ide­al seria um téc­ni­co ir até o local do motor para ver­i­ficar qual a fre­quên­cia que o recep­tor tra­bal­ha, e ser fei­ta a cod­i­fi­cação de out­ro con­t­role. Portão PPA Assistên­cia Téc­ni­ca Par­que Uira­pu­ru, Pelo serviço de cod­i­fi­cação de con­troles dire­to na residên­cia do cliente nos­sos téc­ni­cos cobram o val­or de R$50, e cada con­t­role remo­to de qual­quer mod­e­lo disponív­el cus­ta R$35. A taxa do téc­ni­co é cobra­da por cada atendi­men­to real­iza­do no local, ou seja, cobra-se uma taxa de serviço somente, inde­pen­dente de quan­tos con­troles sejam adquiri­dos, na mes­ma entrega.