F5 Motor para Portão - F5 Motor Para Portao Automático
F5 Motor para Portão Automático PPA

(11)96339–7834 — (11)2506–4270

Instalação de Motor para Portão

Para qual­quer mod­e­lo de portão, existe o motor ide­al. Seja bas­cu­lante, deslizante ou piv­otante. Temos F5 Motor para Portão Automático.

manutenção de motor de portão automático

Manutenção de Motor para Portão

O motor do portão apre­sen­ta algum defeito, mas ain­da não é hora de sub­­sti­­tuí-lo, a solução mais ade­qua­da seria a manutenção desse motor. Se pre­cis­ar, F5 Motor para Portão Automático.

Top Motor para Portão

Reforma de Motor para Portão

Casos em que a manutenção seja mais com­plexa, mas ain­da tem solução, nada mel­hor do que uma refor­ma do motor para aumen­tar a vida útil do equipa­men­to. Encon­tre um téc­ni­co próx­i­mo á você que tra­bal­ha com F5 Motor para Portão Automático.

F5 Motor para Portão Automático PPA

Assistência Técnica de portões automáticos

Para solic­i­tação com téc­ni­cos pres­en­ci­ais ou por vídeo chama­da. Sem pre­cis­ar sair de casa, tentare­mos solu­cionar o prob­le­ma do seu motor para portão.

F5 Motor para Portão Automático

Troca da Central de comando eletrônica do Motor para Portão

Con­sid­er­a­da o “cére­bro” dos motores, a pla­ca é o item prin­ci­pal em uma manutenção de portão automáti­co, que faz a comu­ni­cação entre todos os itens do motor para portão. Con­sulte tam­bém F5 Motor para Portão Automático.

controle remoto de portão

Venda e configuração de controle remoto para Portão Automático

Mais da metade das lig­ações em nos­sa empre­sa são para com­pra de con­t­role remo­to de motor de portão. Vendemos con­t­role das maiores mar­cas nacionais (PPAGaren e Pec­cinin).

As por­tas automáti­cas são mar­avil­has da tec­nolo­gia. Bas­ta segu­rar um pouco mais os cartões de iden­ti­fi­cação e eles serão aber­tos sem a neces­si­dade de um fun­cionário para faz­er o tra­bal­ho. Isso sig­nifi­ca que as pes­soas podem entrar e sair do pré­dio com mais rapi­dez e facil­i­dade. Além dis­so, as por­tas automáti­cas tor­nam o ambi­ente mais seguro, pois impe­dem a entra­da de estran­hos no prédio.

Qual é o tem­po de garantia? 

Garan­tia de 3 meses sobre serviços efe­t­u­a­dos de manutenção em portão ou manutenção e con­ser­to de motor de portão, e garan­tia de 1 ano para insta­lação de motores novos. 

A cen­tral recon­hece os coman­dos dos con­troles, faz barul­ho de relé e não aciona. O que pode ser? 

Talvez um dos sen­sores de fim de cur­so este­ja queima­do ou em cur­to, fazen­do com que o motor recon­heça como aciona­dos os dois sen­sores, e não sabe pra onde deve rodar. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Desli­gan­do os sen­sores de fim de cur­so da cen­tral podemos detec­tar se ela vol­ta a funcionar. 

Quais as peças mais comuns nos motores bas­cu­lantes de portão? 

O motor de portão é for­ma­do por um con­jun­to de peças que são:- Cal­ha de alumínio padrão de 1,4 met­ros;- Eixo de fuso com rosca para aciona­men­to;- Batoque supe­ri­or (tamp­in­ha que fecha o per­fil de alumínio);- Por­ca acionado­ra (peça de nylon que corre den­tro do alumínio para cima e para baixo);- Acoplador que faz a junção do fuso com o redu­tor do motor;- Car­caça de fer­ro fun­di­do (2 partes que fecham, com as peças inter­nas, for­man­do o moto-redu­tor do portão);- Esta­tor do motor (parte inter­na do motor com­pos­ta por cen­te­nas de voltas de cobre, para cri­ar o cam­po mag­néti­co);- Eixo inter­no com induzi­do, rola­men­to e rosca sem fim inter­na (eixo prin­ci­pal inter­no do motor que faz a lig­ação entre todas as peças inter­nas);- Engrenagem de nylon prin­ci­pal;- Caixa e tam­pa para cen­tral eletrôni­ca de coman­do;- Cen­tral de coman­do eletrôni­ca;- 02 con­troles remotos. 

Motor para portão eletrôni­co em São Paulo? 

Nos­so site é com­ple­to, expli­can­do tudo sobre motor de portão automáti­co. Nos­sa empre­sa atua no ramo de ven­da de motor para portões automáti­cos há 13 anos, crescen­do a cada dia com novos apren­diza­dos e ren­o­van­do a capac­i­tação e o apren­diza­do de nos­sos téc­ni­cos. Quan­do começou a ser com­er­cial­iza­do, um motor para portão automáti­co era um acessório encon­tra­do ape­nas em residên­cias e con­domínios de alto padrão, pois o cus­to desse equipa­men­to era altís­si­mo, e pou­cas pes­soas podi­am adquirir um motor. Portão automáti­co PPA foi um dos pio­neiros no mer­ca­do, que con­seguiu crescer e se expandir em meio às mar­cas da época, como a Issel. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Com algum tem­po, começaram a sur­gir out­ras mar­cas de qual­i­dade que começaram a ser bem com­pet­i­ti­vas, como o motor para portão automáti­co Garen ou o Pec­cinin. O motor para por­tao automáti­co pec­cinin criou seu sis­tema inde­pen­dente de cod­i­fi­cação e se desta­cou bas­tante das out­ras mar­cas por bas­tante tem­po. Durante anos, quan­do a pes­soa que­ria um motor mais duráv­el, sem­pre opta­va pela mar­ca Pec­cinin, basea­da em infor­mações tro­cadas por out­ros clientes que tam­bém tin­ham desse motor. Portão automáti­co, Garen, PPA ou Pec­cinin, para nós é sem­pre bem vin­do, pois tra­bal­hamos prin­ci­pal­mente com as 3 mar­cas. Com o aumen­to da divul­gação pela inter­net, hoje exis­tem diver­sos mod­e­los de motor de portão, do mer­ca­do brasileiro e do mer­ca­do exter­no, atuan­do hoje em nos­so país. 

Portão eletrôni­co para garagem é uma óti­ma solução para quem quer ter mais segu­rança em sua residên­cia. Além de ofer­e­cer pro­teção, o portão eletrôni­co pro­por­ciona como­di­dade ao motorista, que não pre­cisa descer do car­ro para abrir o portão man­ual­mente. Esse tipo de portão tam­bém con­tribui para a econo­mia de ener­gia, pois fun­ciona com pil­has ou baterias.

Como cod­i­ficar con­troles da fre­quen­cia 433MHZ na cen­tral do motor Garen de portão: (Portão Bas­cu­lante ou Portão Deslizante) 

Primeiro é pre­ciso reti­rar os qua­tro para­fu­sos que fecham a tam­pa da cen­tral, para ter aces­so á pla­ca. Na pla­ca do motor garen é pre­ciso encon­trar duas pern­in­has de met­al, onde está escrito a palavra PROG. Tem uma pecin­ha pre­ta (JUMPER) que pode se encaixar nas duas pern­in­has de met­al para fechar o cir­cuito, e deste modo, entrar em modo de pro­gra­mação. Feche o cir­cuito e aguarde alguns segun­dos até que os leds ver­mel­ho e verde per­maneçam ace­sos. Aperte o botão do con­t­role remo­to novo que quer cod­i­ficar (pre­cisa ter certeza que o con­t­role é da mes­ma fre­quen­cia 433MHZ da pla­ca), a luz verde começa a pis­car por uns 5 segun­dos e vol­ta a ficar ace­sa. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, No exa­to momen­to em que o led verde está pis­can­do, é pre­ciso aper­tar o botão BOT que se encon­tra per­to do PROG da cen­tral da Garen. Con­fir­man­do no BOT que aque­le con­t­role será usa­do nes­sa pla­ca, auto­mati­ca­mente o con­t­role ja está cadastra­do. Bas­ta repe­tir o mes­mo pas­so a pas­so para con­fig­u­rar os out­ros con­troles remo­tos de portão. Depois que todos já estão con­fig­u­ra­dos, retire o JUMPER do cir­cuito de PROG e aguarde até que os 2 leds (ver­mel­ho e verde) se apaguem. Pron­to, os con­troles já devem funcionar. 

Tra­va eletro-mag­néti­ca é segura? 

Sin­ce­ra­mente, não acred­i­to que seja. A tra­va elétri­ca tra­bal­ha da seguinte for­ma: um pul­so elétri­co é man­da­do quan­do o motor é aciona­do, fazen­do com que a tra­va destrave, e libere o ciclo do portão. O que ninguém expli­ca, é que tra­va elétri­ca pre­cisa de lubri­fi­cação per­iódi­ca, para que o embo­lo sem­pre deslize da for­ma cor­re­ta durante seu uso. O que acon­tece em prati­ca­mente todas as residên­cias que tem tra­va elétri­ca, é que a pes­soa nun­ca chega per­to da tra­va para ver­i­ficar se o embo­lo está limpo e lubri­fi­ca­do, para tra­bal­har sem fal­has. Se enroscar, o motor não vai saber que não deve abrir, e com o embo­lo trava­do, vai ten­tar forçar ao máx­i­mo o portão para que abra. Esse é o caso em que mais se dan­i­fi­cam os motores de portão. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Out­ro item que fal­ta na maio­r­ia das insta­lações, é a plaquin­ha eletrôni­ca de tra­va elétri­ca. Essa plaquin­ha tem um cir­cuito que aciona em con­jun­to com o motor, mas o pul­so elétri­co dura somente alguns segun­dos, tem­po necessário para que o portão saia do pon­to ini­cial. Lig­a­da de for­ma erra­da, a tra­va fica em con­stante aciona­men­to durante o per­cur­so inteiro do portão, forçan­do demais seu fun­ciona­men­to, e aque­cen­do sem neces­si­dade. Aque­cen­do demais, com vários aciona­men­tos simultâ­neos, a tra­va elétri­ca pode queimar, e se estiv­er lig­a­da de for­ma erra­da em para­le­lo com o motor, aca­ba queiman­do o motor do portão junto. 

Pec­cinin Portões Automáti­cos: a solução ide­al para você!

Como con­fig­u­rar con­t­role de portão auto­mati­co ppa? Tem vários esque­mas na inter­net, e o meu é de jumper e prog. Como é que faço neste caso? 

Mod­e­lo de Jumper e PROG: Primeira­mente, retire os para­fu­sos que fecham a tam­pa onde fica a cen­tral do portão. O pro­ced­i­men­to é pare­ci­do com o de con­fig­u­ração dos con­troles da Garen. Encon­tre as duas pern­in­has de met­al , onde aparece escri­ta a palavra PROG. Tem uma pecin­ha pre­ta (JUMPER) que pode se encaixar nas duas pern­in­has de met­al para fechar o cir­cuito, e deste modo, entrar em modo de pro­gra­mação dos con­troles. Essa con­fig­u­ração do con­t­role só é acei­ta pela cen­tral eletrôni­ca do portão PPA se o portão estiv­er no meio do per­cur­so, para­do fora dos sen­sores de fim de cur­so de aber­tu­ra e fechamen­to. Bas­ta fechar o cir­cuito com o JUMPER e a cen­tral está em modo de pro­gra­mação. Segure aper­ta­do o botão do con­t­role que dese­ja cadas­trar na cen­tral, e o led ver­mel­ho da cen­tral vai ficar pis­can­do bem rápi­do. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Con­firme enquan­to o led está pis­can­do, aper­tan­do o botão da pla­ca com o nome de BOT ou + em alguns casos. Retire o Jumper e a pro­gra­mação já deve estar pronta. 

Como escol­her o mel­hor tipo de portão automáti­co para condomínio? 

Tudo depende do espaço disponív­el para insta­lação. O tipo deslizante requer espaço lat­er­al sufi­ciente para o portão se mover. O bas­cu­lante é mais com­pacto, mas deve-se con­sid­er­ar que a potên­cia insta­l­a­da do motor deve ser com­patív­el com a car­ga de tra­bal­ho necessária (peso do portão e taman­ho do ciclo por hora). 

Quem nun­ca teve a sen­sação de liber­dade ao atrav­es­sar um portão automáti­co? Ele nos rep­re­sen­ta o fim de uma eta­pa e o iní­cio de out­ra. Esse momen­to é sem­pre espe­cial, pois mar­ca o começo de uma nova jor­na­da – seja ela qual for. Além dis­so, é um sinal de que esta­mos indo na direção cer­ta e que, ape­sar das difi­cul­dades, esta­mos avançan­do. O portão automáti­co nos dá essa con­fi­ança e nos faz acred­i­tar que tudo vai dar certo.

Eu aper­to o botão, e o motor anda alguns cen­timet­ros e para. Ten­tei ver se saiu do tril­ho mas não saiu. O que pode ser? 

Pode ser reg­u­lagem em algu­ma das funções da cen­tral, como embreagem por exem­p­lo, como tam­bém pode ser defeito ou nos sen­sores de fim de cur­so ou no capac­i­tor de par­ti­da. Para tes­tar os sen­sores de fim de cur­so, desligue-os da cen­tral e teste nova­mente com o con­t­role, obser­van­do se tem algu­ma alter­ação na ten­ta­ti­va de andar o portão. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Não con­seguin­do solu­cionar, peça sem­pre aux­ilio a um téc­ni­co de portão automático. 

O que faz­er se meu portão bas­cu­lante abre mais de um lado do que do outro? 

Quan­do isso ocorre o portão provavel­mente está des­bal­ancea­do, ou seja, das 2 caixas de peso exis­tentes nas lat­erais do portão bas­cu­lante, uma está mais pesa­da do que a out­ra, fazen­do o portão abrir tor­to. Portão Eletrôni­co 24 horas Vila União, Pre­cisa ser feito um bal­ancea­men­to mais ade­qua­do para que ele suba por igual. Se o portão for muito largo, pode ser o caso de uti­lizar 2 motores para aber­tu­ra do portão, um de cada lado. 

Quan­do ligo a ener­gia o motor ron­ca forte sem acionar. O que será? 

A cen­tral pode estar em cur­to, e o relé está trava­do. Em alguns casos, bas­ta bater lev­e­mente sobre o relé, e ele vol­ta a fun­cionar. Porém, isso não é solução, pode voltar a travar, sendo necessária a sub­sti­tu­ição do relé ou da própria central.