Assistência Técnica Virtual

Ori­en­tação Téc­ni­ca por Vídeo Chama­da para indicar a Solução do defeito pre­sente no Motor de Portão.

Para atendimento técnico remoto, faça um PIX no valor de R$50 para o seguinte QR Code, e envie o comprovante para o número (11)94742–7262. Assim que recebermos a confirmação do pagamento, um técnico especializado em portões entrará em contato com o solicitante, agendando um atendimento via Vídeo Chamada pelo WhatsApp.
f88baa36-f301-4713–8ba8-e2dd2d79b72f

Siga as instruções abaixo antes do atendi­men­to téc­ni­co, para uma mel­hor com­preen­são e um resul­ta­do sat­is­fatório para a solução do seu prob­le­ma com o motor do portão.

Orientações Gerais:

Verifique antes de agendar a Vídeo Chamada com o Técnico

Ver­i­fique se o Motor do Portão está com ener­gia elétri­ca. Não recomen­damos aos clientes que toquem em itens ener­giza­dos do motor, é perigoso e pode causar choque elétri­co. Cer­ti­fique-se de que uma pes­soa dev­i­da­mente capac­i­ta­da fará os dev­i­dos testes caso sejam elétri­cos. Não use anéis, alianças, reló­gios ou pul­seiras, deixe as mãos livres para maior segu­rança enquan­to for manuse­ar os equipamentos.

Ten­ha certeza de que seu Celu­lar está com sinal BOM, ou conec­ta­do á uma rede ade­qua­da de WIFI, para que a Vídeo Chama­da pos­sa ser conectada.

Ten­ha em mãos fer­ra­men­tas bási­cas, como chaves de fen­da e philips, ali­cate de corte e fita isolante. Out­ras fer­ra­men­tas podem ser necessárias depen­den­do da manutenção a ser realizada.

Em caso de inse­gu­rança com o Manu­seio das fer­ra­men­tas ou do equipa­men­to, chame alguém próx­i­mo que pos­sa aux­il­iar, ou até mes­mo exe­cu­tar a manutenção.

Não garan­ti­mos a solução em todos os atendi­men­tos remo­tos. Podemos chegar a uma solução para o cliente, mas exis­tem casos em que a visi­ta pres­en­cial de um téc­ni­co é indis­pen­sáv­el para uma mel­hor com­preen­são ou manu­seio dos equipa­men­tos. Atendi­men­to remo­to não sub­sti­tui a visi­ta téc­ni­ca com a mes­ma efi­ciên­cia, e por isso tem um baixo val­or agregado.

O Atendi­men­to Remo­to terá a duração máx­i­ma de 30 min­u­tos, poden­do ser pro­gra­ma­do um segun­do atendi­men­to remo­to caso o prob­le­ma per­sista ou ain­da fique algu­ma dúvi­da do cliente.

Não reem­bol­sare­mos a quan­tia paga em caso de não se chegar a uma solução no con­ser­to do equipa­men­to, em caso de sinal ruim na conexão do celu­lar do cliente, ou em caso de o cliente não remar­car pre­vi­a­mente quan­do não con­seguir aten­der no horário previsto.

Em casos de Tro­ca de algu­ma Peça do Motor de Portão, o téc­ni­co indi­cará o nome da peça necessária, e fica a critério do cliente encon­trar uma loja ou local onde pos­sa adquiri-la. Caso o téc­ni­co con­heça algu­ma loja ou local para que o cliente com­pre tal peça, poder­e­mos fornecer os dados para que o cliente entre em con­ta­to com esse local.

Uti­lize equipa­men­tos de Segu­rança (E.P.I. Equipa­men­to de Pro­teção Individual). 

  • Capacete de segu­rança classe B: Indi­ca­do para o uso com risco de choque elétrico.
  • Boti­na de segu­rança: Cuida­do ao escol­her este EPI. Cer­ti­fique-se que não ten­ha nen­hum mate­r­i­al metáli­co. Para estar 100% seguro é pre­ciso um equipa­men­to dielétri­co, capaz de iso­lar a eletricidade.
  • Ócu­los de proteção
  • Pro­te­tor Auric­u­lar em casos de ruí­dos altos ou excessivos
  • Luva de Segu­rança: É um EPI essen­cial para o tra­bal­hador. As luvas de pro­teção garan­tem a segu­rança na manutenção de insta­lações e serviços com elet­ri­ci­dade em ger­al. É ide­al a uti­liza­ção de duas luvas: A luva isolante de bor­racha e a luva de couro que é sobre­pos­ta para pro­te­ger a inte­gri­dade da luva isolante. Veja alguns exemplos:
  • Luva Isolante de Bor­racha: pro­teção de mãos e braços
  • Luva de pro­teção tipo con­du­ti­va: É mais jus­ta e pro­tege ape­nas mãos e punhos.
  • Luva de vaque­ta: luva de segu­rança mecâni­ca para luvas do tipo condutiva
  • Man­ga Isolante de Bor­racha: pro­tege os braços e pro­por­cionam mais segu­rança para exercer deter­mi­nadas ativi­dades onde o risco pode ser maior.
  • Cin­to de Segu­rança: Às vezes tam­bém é pre­ciso realizar o tra­bal­ho em altura! O cin­to de segu­rança para eletricista é especí­fi­co para pro­te­ger o tra­bal­hador do risco de choque elétrico.
  • Pro­te­tor Facial Con­tra Arco Elétrico
  • Ves­ti­men­tas Espe­ci­ais: Camisas e calças espe­ci­ais con­tra agentes tér­mi­cos prove­nientes do arco elétrico.